2015-04-09

Três da tarde


tenho os dedos sobre a mesa de mogno
e já são três da tarde
e sob os dedos saudade

 
eu não devia estar aqui 


na tua nudez
tenho a boca sobre o vidro  
e atrás do vidro a
pele

 
e eu não devia estar aqui

 
uma lâmina
uma língua
às três da tarde
com o queixo no granito
da igreja
onde só eu
volto invisível 
e às três da tarde

sumo
do resto
das horas
com os dedos sobre a mesa de mogno



PG-M 2015
fonte da foto

Sem comentários: