2012-01-13

Michelle Monroe

Uma das coisas que sempre evoluiu com os anos, agora décadas, de amor que tenho dedicado à mesma mulher foi Norma Jean Baker. Foi a minha mulher a primeira a desviar-me da Marilyn Monroe e a fazer-me olhar o fenómeno pelos lados, pelos cantos, pelo verso. Podemos opinar, podemos até detectar, numa só cena, a raridade do objecto que admiramos, mas para perceber do que estamos a falar temos de ver os filmes todos, se possível por ordem cronológica. E foi o que nós fizemos, como jovem casal de namorados sem muito para fazer: coleccionamos todos os filmes da Marilyn Monroe, que não são assim tantos - nem podiam ser, tal era o extremo a que ela levou todos, sem excepção, e a que a levaram a ela - e vimo-los. E vimo-los outra vez. Deixamos, claro, "Os inadaptados" - o filme maldito - para o fim. Que nos trouxe as virtudes do "método" para a eternidade. Foi o filme que deixei que me marcasse mais, vida fora, até ao "Túmulo dos Pirilampos", que até hoje não encontrou parceiro (e dificilmente encontrará). Michelle Williams, no filme "A minha semana com Marilyn", interpreta uma actriz baça, por mais que a iluminação e a fotografia lhe concedam brilho. Se é de propósito, é genial. Todos sabemos que é impossível imitar Marilyn Monroe - Angelina Jolie, pouco corajosa e, ela própria, a estrela universal de hoje, recusou o papel -, e nenhum realizador o quer: os "copycats" estão fora de moda. Na moda estão as aproximações viscerais: não vai ser fácil ultrapassar, no corpo inteiro, a Edith Piaf de Marillon Cotillard, justamente premiada com um (inesquecivel) óscar. Michelle talvez não mereça o óscar que lhe querem dar desde "Brokeback Mountain", e que ela merecia por Blue Valentine.Talvez não o mereça por este filme, embora seja notável o seu trabalho de composição, que se torna cada vez mais complexo à medida que o filme avança: Simon Curtis, um realizador de televisão por excelência, mais uma vez, deixa-nos na dúvida se fez ou não de propósito, mas eu gosto da ideia de estranheza e desconforto que nos causam as primeiras cenas de Michelle Wiliams, e da imersão a que ela nos leva à medida que o filme avança, culminando no banho nua. Michelle é uma perfeita Marilyn nua. Já o vinha sendo vestida, com a sua barriguinha, com os pneuzinhos no sítio certo, excessiva, mais do que adorável, que nunca é. É talvez porque vi (e li) tanta Marilyn, porque a passei a situar debaixo da pele e a trago como uma espécie de pin na lapela de cinéfilo, que me entreguei à experiência deste filme com um raro prazer. Será por ser homem e a Michelle ser um deleite? A minha mulher ficou algo desiludida, eu ia preparado para isso, mas o filme superou largamente as minhas expectativas. Porque é um bom filme. Imperdível para os fãs, mas imperdível, acima de tudo, para os que não o são.


PG-M 2o12

4 comentários:

ana b. disse...

Adorei o filme!
E tão verdadeira me pareceu a Monroe que, rapidamente, me esqueci da Michelle:) O que só abona a favor do seu enorme talento, é certo.
Já a sabia uma ótima atriz:o "Blue Valentine" foi um dos filmes de 2011 que mais gostei. Chorei
desalmadamente:) Por fim, já nem me preocupava em disfaçar:já estava por tudo:)))

Pedro Guilherme-Moreira disse...

E eu, como está bom de ver, também. E mais, com os dias a passar. Apostamos nela para um globo de ouro?

ana b. disse...

Apostamos!
Para um globo e para um oscar:)
Receio, contudo, que existam outras atrizes, também, magníficas. Parece que a Meryl Streep tem mais uma portentosa interpretação, desta vez da M.Tatcher; já vi o trailer na net e fiquei deslumbrada. Mas isso é frequente comigo: fico sempre indecisa entre 2 ou 3 nomeaçoes:)
E a propósito: se ainda não viu o último Polanski "Carnage", não perca! É magnífico e também tem 4 portentosas interpretações. Confesso que a minha preferida é a do Christoph Waltz; apaixonei-me por ele no " Sacanas sem lei" do Tarantino. Belíssimo ator!

Pedro Guilherme-Moreira disse...

E lá ganhámos a aposta:). E permito-me chamar a mim a previsão de nomeações e vitórias para "The Help" no já longínquo Outubro de 2011.:)