2011-12-29

O espelho infinito

A explicação para estar sempre em mais do que um lado. Não há efeitos nem truques nesta fotografia: foi mesmo o que a máquina viu. É este o espelho referido no post anterior, "Um silêncio imprudente".

Sem comentários: