2011-01-20

Perdição

‎"(...) não é fumo que ela sustém nos lábios, meu caro. -

- disse Paul sobre a ruiva que na penumbra do bar parecia fumar só para mim - , são os teus tomates. 

E se não fosse eu a segurá-los, já não saías daqui vivo. Acabavas esquecido entre os despojos da noite, com a cabeça dentro da jukebox e o "Love me like a fool" em repeat. (...)"

Sem comentários: