2011-01-28

Old friends

"(...) Sucedia-me frequentemente nos primeiros dias das férias grandes. Uma estranha inquietude tomava conta de mim, e eu atribuía-a ao vento leste, mas quando o Verão ficava órfão desse sopro, não conseguia perceber.
Um dia, postado na avenida marginal à espera de atravessar, olhei para Sul e lembrei-me que a casa dela ficava nessa direcção, porque era sempre para lá que seguia a camioneta que ela apanhava ali mesmo, depois de me deixar na minha rua, a última transversal da alameda antes da praia. Lembrei-me da casa, da camioneta, e depois lembrei-me inevitavelmente dela, e soube nesse momento que era ela que me fazia falta, que era ela a tal inquietude, o vento leste. Se a minha mão fora de forma fugaz o contraponto da mão da Ana Bárbara, a Carla era o contraponto de toda a minha alma. É isso que os amigos são. (...)"
Pedro Guilherme-Moreira 2010

Sem comentários: