2010-12-12

Colo literário

estamos em mesas de cafés
com uma certa pose
olhos nos olhos, mas
não nos tocamos
trazemos os livros, que olhamos
de soslaio enquanto a língua
sente a chávena
e não estendemos os braços
não podemos
não devemos
somos só pessoas com um contorno
subtil do olhar
lemos, só isso, mas não misturamos,
lemos sozinhos como deve ser
e vimos assim, por vezes, aos cafés,
onde sucede o complexo acontecimento de vermos outros iguais
e não os querermos por perto


estamos sempre sozinhos, nós,
a comer os livros todos do universo
ou como se fosse
fingindo comunhão


estendemos os braços, então,
com um sorriso temerário
e enformamos no regaço
um colo literário


onde ninguém se deita




fonte da imagem

Sem comentários: