2010-02-23

ou primavera


amanhã de manhã abro a janela
e tudo

é de pólens e de risos
ocres
é de cocos e  toalhas
mornas
é de corpos e gelados
breves

e é de mim ou primavera
sempre



2 comentários:

bernamorgado disse...

É primavera sempre que nos surpreendemos com a beleza da vida. Sim, porque apesar de tudo, há sempre pormenores que fazem a diferença. Mesmo que estejamos tristes, cansados, desanimados, com frio, fartos da chuva... Basta algo bem simples. Há sempre um detalhe.

Pedro Guilherme-Moreira disse...

é de mim e é de ti, então