2007-04-24

O falso quadro na manhã tripeira

Há cerca de um ano que raramente levo o carro a qualquer diligência no Porto ou V.N.Gaia, dada a boa rede de transportes que ganhámos com o Metro.

Ontem, resolvi sair na estação de metro dos Aliados, em frente à Câmara, para acompanhar a pé a mulher da minha vida ao trabalho, e daí seguir, via Cedofeita, sempre a pé, claro, para o Tribunal de Família do Porto, ainda a tempo de parar num café para, tomando um cimbalino, rever o processo e ler o jornal.

Ao chegar ao fundo da travessa de Cedofeita, tive de tirar a foto que se segue, eram cerca de 8:30h da manhã.

Aquilo que parece um quadro, na montra da sapataria, é o reflexo da própria travessa de Cedofeita, com todo a substância tripeira – a névoa ligeira no fresco da manhã, o sol no topo dos prédios, a sombra.

Sem comentários: